E-book intermediador
Saiba como fazer frete grátis no e-commerce com essas 8 estratégias

Saiba como fazer frete grátis no e-commerce com essas 8 estratégias

Se existe algo irresistível para o consumidor online é o frete grátis. Afinal, quem não gosta de adquirir um produto ou serviço do conforto da sua casa, por um preço justo e ainda sem ter de pagar pelo seu envio?

Pesquisa realizada pela ComScore comprovou que o frete grátis é o fator número um para que alguém recomende um e-commerce a amigos e parentes. Essa é uma forma eficaz de aumentar as vendas e fidelizar mais clientes.

O mesmo estudo mostrou que a isenção da cobrança leva 63% dos consumidores a adicionarem mais itens no carrinho. Por outro lado, a porcentagem de pessoas que desistem da compra por acharem a taxa de frete cara demais chega a 55%.

Por isso, o empresário de e-commerce deve considerar alguns aspectos para fazer de modo seguro a adoção desse benefício na sua loja. Continue conosco para conhecer 8 estratégias de como fazer frete grátis no seu e-commerce.

1. Loja toda com frete grátis

Essa é a situação que os clientes mais gostam: quando a loja inteira está com frete grátis. Mas essa é, também, a mais perigosa para o empresário, especialmente para e-commerces pequenos.

A tática deve ser adotada tendo em vista um único objetivo: aumentar a sua base de clientes. Porém, ela não pode ser estendida por longos períodos, por conta do risco de perder dinheiro.

O ideal é que o frete grátis em todo o e-commerce seja mantido por 24 horas. Assim, você gera uma urgência no consumidor, que vai correr para aproveitar o período promocional e avisar aos amigos e parentes sobre a oportunidade.

Mas, fique sempre de olho em suas planilhas. O aumento das vendas precisa compensar uma possível diminuição da margem de lucro.

2. Zero frete em produtos específicos

Aplicar frete grátis em itens específicos é uma tática que requer, primeiramente, amplo entendimento sobre os produtos. É preciso saber exatamente quanto você gastará com o envio de cada um deles, de acordo com critérios de tamanho e peso, por exemplo.

E-book: Conversão no E-commerce: Como aumentá-la?
Aumente a conversão de suas vendas





Também é indispensável calcular a margem de lucro proveniente de cada produto, pois isso ajuda a identificar o quanto se pode reduzir o valor sem que haja prejuízo ao fluxo de caixa. Sabendo quais são os produtos que têm transporte mais fácil e barato, o empresário pode aplicar o frete grátis somente neles.

Também é possível impulsionar as vendas de algum item novo na loja, com grande potencial de atração, ou então eliminar um eventual excesso no estoque.

3. Frete grátis a partir do valor X

Isentar a cobrança de frete a partir de um determinado valor é uma prática muito utilizada pelos e-commerces brasileiros e do mundo. Por meio dela, o cliente deixa de arcar com o envio dos produtos a partir de um valor que você terá de definir.

Para chegar a esse piso, você precisará entender as suas margens de lucro e encontrar uma folga que venha equilibrar os gastos com transporte. Em geral, as lojas virtuais costumam liberar o frete a partir de compras no valor de R$ 150,00, mas a sua média precisa considerar os valores do mercado e os produtos vendidos na sua loja.

O objetivo dessa estratégia é aumentar o ticket médio na sua loja. Isto é, estimular os clientes a colocarem mais itens nos carrinhos, de modo que gastem mais a cada compra, para atingirem o valor a partir do qual não pagarão pelo envio.

4. Isenção geográfica

A isenção geográfica parte da identificação de onde moram os seus clientes, e, a partir dessa informação, avaliar a possibilidade de não cobrar pelo frete. Para fazer isso, é preciso mapear os clientes conforme os endereços cadastrados.

Com isso, é possível identificar onde estão localizados os grupos mais volumosos de clientes e fornecer alguns benefícios para essa parcela. Garanta que seja possível encontrar os seus grupos de clientes mais próximos e mensurar a distância entre as suas residências e o centro de distribuição da loja.

Dessa forma, estabeleça uma distância que permitirá não cobrar pelo envio, sem obter prejuízos. É possível, por exemplo, estabelecer frete grátis para os clientes localizados em um raio de até 150 quilômetros.

5. Gratuidade sazonal

Em épocas do ano marcadas pelo aumento do número de compras, como o Natal, Dia das Mães e Dia dos Namorados, naturalmente a sua loja também passa por um bom período. No entanto, a política de frete grátis pode tornar as datas comemorativas momentos para potencializar ainda mais o número de vendas.

Afinal, muitos clientes estão à procura de lojas que oferecem benefícios reais para finalizar uma compra nessa datas (e, certamente, não cobrar pelo frete chama atenção de qualquer consumidor digital).

Entretanto, antes de promover uma política de frete grátis em datas comemorativas muito importantes, comece com momentos mais “discretos” do ano. Conforme as práticas e os resultados obtidos, a sua loja estará pronta para planejar ações mais amplas de frete grátis durante o Natal e a Black Friday, por exemplo.

6. Frete grátis para clientes fiéis

Um cliente fiel, que compra produtos da sua loja quinzenalmente, por exemplo, merece um tratamento diferenciado, concorda? Nesses casos, não hesite em oferecer benefícios como uma forma de agradecer pela lealdade e, assim, fidelizar mais clientes.

Devido à recorrência das compras, esse agradecimento pode ser feito com frete grátis a cada três compras ou durante um período exato de dias, por exemplo. Antes de implementado, a estratégia deve ser estudada para não gerar prejuízos.

7. Cobrança de taxa anual ou semestral

Ainda sobre os clientes fiéis, por que não dar a esse seleto grupo uma vantagem exclusiva? Em vez de cobrá-lo por cada compra, é possível, por exemplo, ofertar uma taxa semestral ou anual referente ao frete, como um serviço premium.

Essa ação é encarada como uma facilidade para comprar na sua loja virtual. Com ela, todos saem ganhando: o cliente se sente importante para a sua marca, fazendo parte de um grupo restrito, e você terá os custos com os envios cobertos pelas taxas do serviço premium. A Amazon é uma das grandes empresas que já investem nessa estratégia.

Além do frete grátis, é evidente que o serviço premium deve oferecer ao cliente mais benefícios, tudo sempre ligado ao fortalecimento da marca e do relacionamento.

8. Trocas gratuitas

Para quem costuma comprar itens como roupas e calçados, não ser cobrado por uma eventual troca é um benefício considerável. Afinal, nem sempre o que vemos na tela serve bem na vida real.

Sabendo disso, quem tem um e-commerce desse nicho deve estudar e se planejar para conseguir oferecer isenção em retornos e trocas. Além de um diferencial, essa estratégia dará segurança ao comprador, o qual, muitas vezes, pensa duas vezes ou até desiste da compra pelo receio de precisar custear um eventual reenvio do produto.

Agora você já sabe como fazer frete grátis em sua loja virtual. Como visto, essa ação pode ser aplicada de várias formas, mas vale a pena reforçar que o empreendedor deve traçar suas metas com o plano, entender os seus limites financeiros, compreender os seus clientes e fazer um acompanhamento preciso das vendas para obter sucesso.

Achou as dicas interessantes? Então, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais!

Receba os melhores conteúdos sobre formas de pagamento online!
Sobre o autor
Marco Galvão
Marco Galvão Apaixonado por Marketing, formado em Administração, Pós-Graduando em Marketing e Gestão Estratégica de Negócios. Hoje também pesquisador e amante de assuntos relacionados a pagamentos online. Como Hobbies gosto de fotografar, ouvir música, viajar e cantar (mesmo sem saber) ! Bom tê-lo aqui comigo :)