E-book intermediador
Gestão de assinaturas: saiba como gerenciar de olho na fidelização

Gestão de assinaturas: saiba como gerenciar de olho na fidelização

Quem tem um negócio que exige emissão de boletos mensais e gestão de assinaturas sabe: esse mercado apresenta desafios. Especificamente no modelo de pagamentos recorrentes, podemos dizer que a fidelização é um dos principais indicadores do sucesso ou do fracasso da empresa.

Muitas e muitas vezes, o custo de aquisição de clientes é alto, fazendo com que qualquer cancelamento tenha um grande peso na rentabilidade do negócio. É imprescindível, portanto, garantir a satisfação dos consumidores para que eles queiram manter a assinatura pelo maior tempo possível.

Nesse cenário, não basta fazer a gerenciamento de assinaturas como uma simples obrigação administrativa e financeira. É preciso pensar nessa tarefa como uma atividade estratégica para gerar a fidelização do consumidor. Quer entender como colocar essa teoria em prática? Então continue acompanhando!

Conhecendo os maiores benefícios da fidelização na gestão de assinaturas

Como mencionamos, a fidelização de clientes é um ponto de grande importância para a lucratividade de qualquer empresa que recebe pagamentos recorrentes. Afinal, ao tornar seus clientes fiéis, a organização tem em troca uma série de benefícios, como você vai ver a seguir!

Previsibilidade de receita

Um cliente fiel é garantia de receita para os meses seguintes. Assim, quanto mais consumidores fidelizados, maior é a base de usuários que fazem pagamentos fixos mensalmente.

Aumento de ticket médio

Clientes fiéis tendem a investir ainda mais em seus serviços, pois, se sentem valorizados e já conhecem a qualidade do que é entregue. Aliás, clientes fidelizados são mais propensos a migrar para planos de assinatura mais completos, trazendo receitas maiores para a empresa.

Redução de custos com marketing e vendas

A fidelização promove o aumento da divulgação boca a boca, fazendo com que os clientes atuais recomendem espontaneamente seu serviço para amigos, familiares e conhecidos. Dessa forma, a empresa ganha mais usuários de forma orgânica, sem precisar gastar com campanhas de divulgação.

Aprendendo a fazer uma gestão de assinaturas com foco em fidelização

Volte sua atenção para o cliente

Essa pode até parecer uma dica óbvia, mas a verdade é que muitas empresas se preocupam mais com seu produto ou serviço do que com as necessidades dos clientes. Mas especialmente no trabalho de gestão das assinaturas, é preciso, compreender o que o público deseja.

Com esse propósito, a marca deve interagir com o cliente, conhecer seu perfil e tornar a experiência do usuário mais personalizada possível. Cada consumidor deve ser visto realmente como uma pessoa única e não somente como um número no faturamento do negócio.

Use o alerta de inadimplência a seu favor

Um bom sistema de gerenciamento de assinaturas é aquele que conta com alerta de inadimplência, avisando você toda vez que um cliente atrasa um pagamento. Em termos operacionais, esse aviso é usado para garantir que o dinheiro vá entrar no caixa. Estrategicamente, porém, ele pode ser usado como indicador de possível insatisfação.

Muitas vezes, o atraso de um pagamento significa que o cliente não está dando tanta atenção ao serviço, chegando ao ponto em que não se importa se o acesso ao produto for cortado. O produto pode não estar mais sendo usado ou o usuário pode não saber usá-lo corretamente, por exemplo. Nesses casos, é mais que válido entrar em contato para procurar entender o que está acontecendo e ajudar o consumidor no que for possível.

Entregue valor mensalmente

Quando você assina um serviço por um longo tempo, ele se torna parte da sua vida, desenvolvendo-se um hábito de consumo. Por um lado, isso pode ser extremamente positivo, criando um elo entre o negócio e o público. Entretanto, também é preciso tomar cuidado para que a relação entre marca e cliente não caia na rotina.

Lembre-se de que, como você faz cobranças todos os meses, também precisa entregar valor ao cliente mensalmente. Caso contrário, o consumidor ficará com a impressão de que a assinatura está entregando mais do mesmo, o que pode levar ao cancelamento. Para evitar a insatisfação e conquistar fãs, procure sempre investigar para ver o que pode ser feito de modo a tornar o produto ou serviço ainda melhor. Vale incluir funcionalidades extras ou criar novidades interessantes. O segredo está em surpreender positivamente o consumidor!

Automatize sua gestão de assinaturas

Normalmente, a maior dificuldade que um empreendedor desse ramo enfrenta é a inadimplência. Aí deve entrar uma ferramenta de pagamentos recorrente especializada no seu tipo de negócio para os problemas de atraso ou falta de pagamento se tornarem muito mais fáceis de resolver. E saiba: o tempo gasto para solucionar pendências sem essa ajuda costuma sair muito mais caro que a tecnologia em si.

Outra questão importante ligada à automação diz respeito ao crescimento do negócio. E aí não tem como fugir: uma empresa que pensa em crescer precisa pensar também em escalabilidade. Quanto mais organizado e sistemático for seu processo de gestão de assinaturas, maior será a facilidade de expandir a base de clientes.

Monitore os diferentes perfis de usuários

Se você tem variações de produtos, naturalmente terá também usuários com diferentes características. Mas o que muitas empresas não se dão conta é de que, mesmo tendo um único serviço, há consumidores de diversos perfis. Mas como descobrir se sua empresa atende vários públicos? O passo essencial a ser dado é fazer pesquisas, já que essa é a forma mais direta e efetiva de conhecer seus clientes a fundo.

Nos questionários, procure entender os hábitos dessas pessoas e a percepção que têm sobre seu produto. E não é necessário realizar pesquisas formais, ok? Esses levantamentos podem acontecer naturalmente, durante o contato do vendedor, por exemplo. Basta interagir com os clientes e fazer as perguntas certas. Isso ajuda inclusive a personalizar a experiência dos consumidores, agregando mais valor ao atendimento.

Digamos que você descobre que entre sua clientela existem pessoas com diferentes perfis de renda. Nesse caso, pode ser necessário diversificar ainda mais seus planos. Não à toa que várias empresas contam com diferentes assinaturas (como básico, profissional e premium) para facilitar o pagamento para os usuários.

Como você viu, a fidelização é excelente para alavancar as vendas e trazer ainda mais resultados para seu negócio. Por isso, não deixe de pensar nela ao fazer sua gestão de assinaturas! Quando o trabalho é realizado de forma estratégica, a empresa consegue construir uma base de usuários que são mais que clientes: são verdadeiros fãs da marca.

Se gostou das nossas dicas, que tal compartilhar este conteúdo em suas redes sociais para ajudar outros amigos empreendedores?

Receba os melhores conteúdos sobre formas de pagamento online!
Sobre o autor
Marco Galvão
Marco Galvão Apaixonado por Marketing, formado em Administração, Pós-Graduando em Marketing e Gestão Estratégica de Negócios. Hoje também pesquisador e amante de assuntos relacionados a pagamentos online. Como Hobbies gosto de fotografar, ouvir música, viajar e cantar (mesmo sem saber) ! Bom tê-lo aqui comigo :)