4 métricas de PCC para você acompanhar no e-commerce

Para expandir o seu e-commerce, é preciso estar de olho nas métricas de PPC e, neste post, vamos mostrar quais delas são as mais importantes para o seu negócio!

4 métricas de PCC para você acompanhar no e-commerce

A sigla PPC significa “pagamento por clique”, ou seja, campanhas patrocinadas, que ainda representam a melhor forma de divulgar o seu negócio online com um baixo custo e um bom retorno, gerando tráfego e aumentando suas vendas.

Diferentemente do SEO, no qual se conquista um tráfego orgânico, o PPC é capaz de trazer resultados rápidos e mensuráveis no curto prazo, o que pode alavancar a sua loja virtual no mercado e contribuir para a construção de autoridade com o SEO e um conteúdo relevante posteriormente.

Porém, para conseguir alcançar todas as vantagens de uma campanha paga, é preciso estar atento a algumas métricas, para entender se o dinheiro que você está investindo está realmente trazendo retorno ou não para o seu negócio. Entenda mais neste texto!

1. Cliques e conversões

Podemos dizer que o clique é a manifestação do interesse do cliente, e a conversão é o resultado que você pretende que um usuário tome, ou seja, adquirir seu produto ou serviço.

Medir e analisar esses dois indicadores, que estão intimamente ligados, pode auxiliar na construção de estratégias de venda melhores, pois permite entender em que sua empresa está pecando na hora de fechar uma venda.

Por exemplo, um grande número de cliques com poucas conversões significa um funil de vendas mal elaborado, de modo que você está conseguindo atrair a atenção do usuário, mas não está convertendo a venda. Dessa forma, é possível reformular as táticas aplicadas e obter melhores resultados.

2. Palavras-chave longas

Encontrar a palavra-chave ideal para o seu negócio é uma arte e, para isso, a tentativa e o erro ainda compõem uma das únicas formas de se apreender acerca do mercado. Para entender se uma keyword está trazendo resultados, é preciso monitorá-la constantemente.

Palavras muito genéricas podem gerar mais buscas, porém, têm mais concorrência e podem não ser muito específicas para o seu negócio ao passo que palavras muito longas, com frases complexas, podem não gerar o tráfego esperado.

3. CPC

O CPC é o Custo Por Clique, ou seja, o valor médio que seu e-commerce está investindo para levar um usuário ao seu site. Cada uma de suas palavras-chave terá um CPC específico, e isso ajudará a entender quais são as mais eficazes em conversão.

Essa métrica é impactada diretamente pelo mercado, uma vez que palavras-chave com grande concorrência têm um CPC maior, e as mais específicas tendem a ser menos custosas para o negócio.

4. Retorno sobre o investimento

Por fim, temos o ROI, o retorno sobre o investimento, ou seja, o quanto o seu e-commerce está realmente lucrando com os valores investidos em campanhas pagas.

Assim, é calculado tudo o que foi investido em um determinado período e diminuído do total obtido por meio de fontes pagas de marketing. No geral, estratégias de PPC são bem lucrativas, mas tudo depende da tática utilizada. Por conta disso, é fundamental acompanhar o real retorno de cada campanha para evitar perder dinheiro.

Todo esse monitoramento serve para que você tenha uma base do custo por conversão, ou seja, quanto você está gastando para obter cada venda de seu e-commerce, buscando, assim, balancear seus custos operacionais e maximizar seus lucros.

As métricas de PPC são fundamentais para qualquer empresa que venda na internet, pois permitem mensurar o real retorno de suas atividades de marketing e criar melhores campanhas com base na reação do mercado.

Gostou deste post? Então, assine agora mesmo nossa newsletter e receba um conteúdo exclusivo em seu e-mail!

100.000 pessoas não podem estar enganadas Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo