Logo da Universidade Yapay com a coruja como símbolo Conheça a Universidade Yapay!

Modelagem de negócios: o que é, por que é importante e como fazer?

Descubra a importância de um modelo de negócios para sua empresa e como aplicar da melhor forma

Modelagem de negócios: o que é, por que é importante e como fazer?

O ambiente comercial brasileiro atual tem estimulado o empreendedorismo com força impressionante. Os últimos anos viram surgir uma profusão de micro e pequenas empresas com objetivos distintos. Como forma de inovar e criar perspectivas de renda, muitas famílias abriram negócios do zero, às vezes com objetivo de sobreviver em um universo de crise.

Construir um empreendimento do zero é um caminho cheio de desafios, sem dúvidas. Para conseguir navegar com maior tranquilidade, existe a necessidade de planejar detalhadamente os próximos passos.

No entanto, muitos negócios surgem espontaneamente, como forma de gerar renda ou para aproveitar uma oportunidade, e esse senso de urgência acaba atropelando a importância da modelagem de negócio. Mas o que significa esse conceito e como aplicar na sua empresa? Continue lendo para entender.

O que é a modelagem de negócios?

Quando você abre uma empresa, ou simplesmente começa a vender algum produto, ou serviço, automaticamente é gerado algum modelo de negócio, mesmo que informal. Quando falamos esse termo conectamos com algo que só diz respeito às corporações mais estruturadas, mas é importante entender que essa ideia está presente até no vendedor ambulante.

Um modelo de negócios diz respeito às regras que vão definir todas as etapas de captação, produção, vendas e valor agregado. É um processo que se repete constantemente, entregando valor para o cliente e também para a sua marca.

Modelo de negócios é, resumidamente, colocar no papel como devem ser cumpridas as etapas envolvidas na entrega do serviço ou produto para o seu cliente.

Qual a importância do modelo de negócios?

Quando você chega a um modelo de negócios bem definido, estão definidas as bases para o desenvolvimento sustentável da sua empresa. A partir daí seu empreendimento pode avançar para novas práticas que otimizem o seu processo de produção.

Inovar em um ambiente de negócios competitivo é essencial. Todos os empreendedores precisam estudar e pesquisar formas de se destacar. Porém, fazer essa movimentação de forma desorganizada pode atrapalhar a sua empresa mais do que ajudar.

Fazendo uma modelagem de negócio com qualidade, você consegue inovar com maior tranquilidade. Isso é possível, pois, além de delimitar um objetivo claro, você conseguiu racionalizar os processos envolvidos na sua marca.

Com todas as etapas claras, fica fácil observar setores que podem ser automatizados com hand offs, por exemplo. Com um modelo de negócios definido e alinhado com os funcionários da sua empresa, todos os colaboradores trabalharão afinados e direcionados para uma mesma meta.

Como construir um modelo de negócios?

Cada tipo de empresa pede formas diferentes de aplicar a modelagem de negócios. Existem muitas metodologias para formular esse conceito no seu empreendimento, mas aqui vão algumas das dicas principais.

Definir o público-alvo

O foco principal de qualquer negócio é a venda do serviço ou produto para um cliente. Mas para chegar até ele é necessário um investimento enorme em publicidade e estrutura. Para otimizar os seus gastos garantindo o maior retorno possível é necessário definir com máxima precisão o seu público-alvo.

Pesquisando e segmentando uma parcela da população com idade, classe social, gênero e outros dados demográficos você direciona seus recursos melhor do que tentando alcançar todos. Para um modelo de negócios eficiente, definir esse público é vital, afinal estamos falando de agregar valor no seu negócio com foco em converter mais vendas.

Definir as propostas de valor

Após segmentar os clientes, sua empresa deve definir quais os problemas que seu serviço ou produto solucionará para o público-alvo e acima de tudo, como. Quais são as propostas que o seu negócio oferecerá para sanar uma necessidade do cliente.

É a partir desse esclarecimento que sua marca saberá o pacote de produtos disponibilizados e, mais importante, os diferenciais. Como foi dito, para se destacar, um negócio precisa ter um diferencial em relação aos concorrentes de modo a atrair os clientes. Afinal, por quê uma pessoa deveria escolher a sua empresa para sanar uma carência? Responder essa pergunta é primordial em qualquer modelo de negócios.

Definir os canais de distribuição

Sabendo quem é o seu cliente ideal, suas necessidades e como você propõe resolver essas questões, é a hora de pensar em como chegar até ele. Pensar em canais de distribuição diz respeito a através de que plataformas será feita a comunicação com o público-alvo e como o produto ou serviço será entregue após a venda;

É por isso que segmentar o público é importante para saber quais os canais de comunicação ele utiliza mais e por meio de quais ele está mais disposto a realizar uma compra. Com essa sabedoria sua empresa pode focar apenas nas plataformas que geram maior retorno em vendas.

Definir as estruturas de custos

A viabilidade de qualquer negócio depende de uma variável fundamental, o custo para manter esse negócio. Para uma empresa ser sustentável a longo prazo é necessário botar no papel toda estrutura de gastos relativos aos gastos envolvidos na cadeia produtiva.

É com essa informação que você analisará o volume de vendas necessário. Também é com essa definição que você pode buscar as melhores formas de otimizar gastos para o seu modelo de negócios.

Para essa etapa você deve listar todos os custos relativos a cada atividade chave do seu empreendimento além dos recursos-chave. Também é importante priorizar os gastos mais importantes para a manutenção do seu modelo de negócios para não prejudicar sua estratégia. Em muitos casos é aqui que o empreendedor percebe que a modelagem de negócios não é viável, sendo necessário reformular.

Definir as modalidades de pagamento

Escolher os métodos de pagamento é uma das etapas finais no seu modelo de negócios, mas não pode ser ignorada. Agora que sua empresa sabe qual o público, como ele prefere realizar uma compra e qual o capital disponível para investir em determinado canal, você pode escolher com propriedade a plataforma que agrada mais ao seu cliente.

Você agrega valor a sua marca com consciência das suas limitações financeiras, garantindo bases sólidas para o empreendimento.

Pronto para começar?

Agora que você compreendeu as etapas principais para a modelagem de negócios e a importância dessa formulação para o seu empreendimento você já pode começar a aplicar na sua empresa. O importante nesse processo é estar sempre ciente de todas as áreas integradas no seu negócio. Estude bastante todos os atores que atuam no seu modelo de negócio e acompanhe diariamente seu trabalho para certificar que todos estão alinhados.

Gostou desse conteúdo e quer se aprofundar nas etapas do modelo de negócio? Então, que tal começar por esse artigo sobre modelos de cobrança?

100.000 pessoas não podem estar enganadas Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo