E-book intermediador
Como um intermediador de pagamento diminui as fraudes na internet?

Como um intermediador de pagamento diminui as fraudes na internet?

Ao mesmo tempo, em que aumenta o número de lojistas investindo nas vendas em ambientes online e obtendo bons faturamentos mensais, cresce também a quantidade de fraudes na internet.

Segundo um levantamento recente, só no primeiro semestre de 2018, o crescimento de ataques fraudulentos foi de 24%. A pesquisa também trouxe o dado de um registro de 2,6 bilhões de falcatruas, em todo o mundo, empregando bots attacks. Já o estudo Raio-X da Fraude, liderado pela empresa Konduto, observou que, em 2017, houve uma transação ilegítima para cada 33 operações processadas nos e-commerces.

O Sebrae nos traz ainda dados de que 60% dos e-commerces fecham no primeiro ano de funcionamento e que a fraude é um dos motivos para tal. Isso nos leva a entender que os cyber criminosos estão cada vez mais atentos e especializados em conseguir roubar dados dos consumidores. Dessa forma, é imprescindível investir em meios para barrar essas ações lamentáveis.

Continue a leitura e saiba como um intermediador de pagamento tem um papel fundamental na segurança online!

Como podem acontecer as fraudes na internet?

Os golpes nem sempre são fáceis de serem evitados. Muitas vezes, pequenas atitudes, ainda que sem querer, no comportamento do próprio cliente facilitam alguns ataques. Ao mesmo tempo, os profissionais das fraudes estão cada vez mais espertos. Assim, um e-mail que o consumidor recebe e abre de alguém se passando por uma instituição séria pode ser o suficiente para instalar no computador bots que roubam informações pessoais e bancárias.

De posse desses dados, o cyber criminoso tenta realizar compras em vários e-commerces. Acontece que um consumidor mais atento pode se dar conta de que seu cartão foi clonado e, então, pedir à instituição bancária a invalidação dele, o que, logicamente, cancelará o pagamento que seria feito ao comércio online. Não há culpa do gestor, mas, ainda assim, ele fica no prejuízo.

Esse foi apenas um exemplo de uma das situações mais comuns. No entanto, há possibilidade de essa tentativa vir do próprio sistema da loja, ou ainda, de um golpe do próprio cliente alegando que não recebeu a mercadoria e solicitando estorno. Para afastar todas essas eventualidades, é fundamental investir na segurança, como a que um intermediador de pagamento é capaz de proporcionar.

Como funciona um intermediador de pagamento?

Um intermediador de pagamento é uma ferramenta que conecta a loja às instituições financeiras. É dele a responsabilidade de processar pedidos, analisá-los e aprová-los. Na prática, quando o consumidor clica no botão comprar é direcionado ao momento do checkout. Nessa hora, o intermediador entra em ação e fica encarregado de mostrar todas as opções de pagamento: boleto, crédito, débito.

É ele que analisa os dados do cliente de modo a detectar qualquer comportamento suspeito. No momento em que o intermediador aprova o pagamento, ele já fica responsável por enviar ao lojista o valor a ser recebido. Mesmo em casos de fraude e nas hipóteses de cartão clonado que o verdadeiro dono venha a solicitar o cancelamento da compra, o gestor do e-commerce receberá.

Quais são as outras vantagens que o intermediador traz?

Já introduzimos a informação de que um bom intermediador é capaz de aumentar a segurança e evitar fraudes na internet e aos comércios virtuais, mas vamos ver todas as vantagens mais a fundo.

Aumento das conversões

Intermediadores costumam evocar a sensação de ambiente virtual mais protegido. Isso faz com que os consumidores se sintam mais à vontade para realizar suas compras. Além disso, há a possibilidade de diminuir taxas de abandono de carrinho, pois, o checkout é simples. A capacidade de enviar lembretes para pagamentos de boletos e de rastrear abandonos de carrinhos, tentando reativar o processo de compras, são outras facilidades para a conversão.

Variabilidade de pagamentos

Cada usuário que chega à loja terá uma necessidade diferente. Alguns preferem pagamentos em boletos para evitar colocar muitos dados pessoais. Há também os que gostam de parcelar suas compras em várias vezes. Ainda, não podemos nos esquecer de que cada cliente terá uma bandeira específica de cartão. Intermediadores permitem todas essas opções, à escolha do próprio consumidor.

Praticidade e rapidez

Nada de procedimentos burocráticos com bancos, instituições financeiras e empresas de cartões de crédito. A integração com a loja ou com o marketplace é fácil de ser feita. A gestão costuma ser simples e o lojista tem acesso à informações de vendas, ticket médio, transações aprovadas e reprovadas.

A facilidade também fica para o cliente, que tem o processo de checkout de forma transparente, inclusive se feito por dispositivos móveis.

Redução de chargeback

O chargeback é quando acontece cancelamento de uma compra realizada através de cartão de crédito ou débito. Isso é comum acontecer na hipótese de um cartão que foi clonado, sofreu golpes e veio a ser cancelado depois.

O Código de Defesa do Consumidor deixa claro que esse cancelamento é um direito do cliente e deve ser respeitado. Todavia, se o pedido de compra, nesse meio tempo, já tiver sido enviado, o comerciante fica no prejuízo, por perder a mercadoria e o valor dela. Com o intermediador de pagamento, não há esse risco para o gestor, pois, ainda que a fraude venha a ocorrer, ele receberá o valor do item.

Tranquilidade ao comerciante

Se o comerciante não tiver conhecimentos aprofundados de como analisar tentativas de fraudes, é importante considerar a praticidade de ter um intermediador operando no seu comércio. O fato de ele não ficar responsável por assumir os riscos, por ter prejuízos, nem precisar investir em outras ferramentas antifraude dão mais comodidade para sua atuação online.

Para alcançar o sucesso, não adianta apenas ter táticas em prol de aumentar a visibilidade e as vendas. Um lojista que queira aumentar seu nível de competitividade e conquistar a confiança dos consumidores precisa investir em estratégias que diminuam as falcatruas realizadas em e-commerces e tentem barrar as tentativas de fraudes na internet.

Quer experimentar todas as vantagens que um intermediador de pagamentos tem a oferecer ao seu comércio online? Entre em contato conosco e descubra!

Receba os melhores conteúdos sobre formas de pagamento online!
Sobre o autor
Thadeu Arias
Thadeu Arias Designer Gráfico e Web, sua passagem por agências de publicidade, como Diretor de Arte e Criação, trouxeram experiência em Fotografia, Cinegrafia e Motion Graphics. Acredita que através do Design, pode ajudar a melhor o dia a dias das pessoas. Estuda estratégias de SEO e Growth Hacking, especialista em Inbound Marketing e Produção de Conteúdo para Web 2.0.