Logo da Universidade Yapay com a coruja como símbolo Conheça a Universidade Yapay!

Entenda o que é e quais as vantagens do token no e-commerce

O token no e-commerce tem se tornado cada vez mais comum com o intuito de proteger as transações e garantir a confiabilidade!

Entenda o que é e quais as vantagens do token no e-commerce

Você sabe para que serve o token no e-commerce?

A indústria de plataformas de pagamento continua evoluindo para atender às demandas de segurança exigidas na era da transformação digital.

A tokenização é apenas uma dessas iniciativas.

Conforme a tecnologia avança, várias brechas de segurança surgem, o que exige das plataformas de pagamento novas soluções com o intuito de proteger os dados dos clientes e garantir que as negociações sejam transparentes.

Neste post, vamos falar um pouco mais sobre a técnica de tokenização, o que é o token, sua importância para o e-commerce hoje e como ele funciona.

Continue conosco e confira!

O que é o token no e-commerce?

Conforme a sociedade se torna cada vez mais conectada, a preocupação com a segurança de dados sensíveis é cada vez maior.

Um exemplo disso é a Lei Geral de Proteção de Dados — Lei nº 13.709/18 — sancionada recentemente no Brasil, visando a regular e esclarecer o uso de informações pelas empresas e a proteger os usuários.

Contudo, mesmo antes do sancionamento de instrumentos parecidos com esse ao redor do globo, já existia a preocupação das próprias empresas com o vazamento de informações, uma vez que tal situação prejudica diretamente a imagem e os negócios das organizações.

O token surgiu como uma iniciativa de proteção nesse sentido.

Podemos dizer que o token é uma tecnologia cujo objetivo é manter ativos digitais seguros, evitando que sejam descriptografados ou interceptados e utilizados por pessoas mal-intencionadas, mitigando, assim, os riscos em transações virtuais.

Atualmente, boa parte dos pagamentos utiliza-se de cartão de crédito, principalmente em e-commerces.

Tais dados são altamente desejados por fraudadores, que poderiam se utilizar dessas informações para cometer crimes.

O token evita que os dados sejam interceptados, ou mesmo que isso aconteça, que eles se tornem indecifráveis para o hacker, o que inviabiliza os seus esforços na tentativa de conseguir fraudar pagamentos.

Como ele funciona?

O token é uma espécie de assinatura que valida um acesso.

Como a senha gerada na transação tem uma vida útil de apenas alguns segundos, sendo criada de forma totalmente aleatória, torna-se praticamente impossível que hackers consigam fraudar o processo.

Mesmo que o hacker intercepte o código do token, não terá tempo para utilizá-lo e nem conseguirá descriptografá-lo.

Com o intuito de garantir que o cartão está sendo utilizado realmente pelo seu dono, e não por alguém tentando uma fraude, são aplicadas as chaves criptográficas.

Elas funcionam como assinaturas únicas que validam as transações de pagamento online em e-commerces.

Um número de cartão normal tem 16 dígitos. Essa numeração é chamada de Número de Conta Primária, PAN, na sigla em inglês.

Na prática, o token substitui os dados do cartão por um código ─ token PAN ─ que protege essas informações por meio de criptografia.

Então, no momento do pagamento, o gateway utilizado dentro da plataforma de e-commerce envia, para a plataforma de pagamento, não os dados do cartão, mas o token, garantindo, assim, muito mais segurança em todo o processo.

Quais as vantagens do token no e-commerce?

São vários os benefícios que a tokenização traz, não apenas para o consumidor, mas também para o comerciante.

Vamos listar alguns deles a seguir!

Melhora da experiência do cliente

Ao utilizar-se de um gateway de token, o e-commerce pode oferecer suporte à alteração no comportamento dos clientes, solicitando diferentes tokens de acordo com os casos de uso, como utilização de IoT (Internet das Coisas) e cartões virtuais.

Ou seja, existem várias formas de pagar, mesmo com o cartão, além de haver uma experiência muito mais segura, o que atrai a atenção dos consumidores e gera mais negócios.

Além disso, os clientes têm mais comodidade, uma vez que o sistema de tokenização em arquivo permite que todos os detalhes relacionados com pagamentos sejam atualizados no caso de perda, expiração ou roubo de um cartão. Não é preciso fazer nada de forma manual.

Redução da complexidade do sistema de compras

Atualmente, existe uma grande complexidade na hora de realizar pagamentos online com cartão, além da própria preocupação com os dados dos usuários, que, ao serem fraudados, podem trazer muita dor de cabeça.

Os gateways de token permitem que os e-commerces se conectem por uma única interface, simplificando o gerenciamento de toda a atividade de tokenização.

O comerciante online tem acesso a todas as recentes especificações, evitando problemas de conectividade que poderiam levar à perda de negócios.

Maior segurança para as compras

O número de pessoas que compram online já avançou bastante nos últimos anos, porém, ainda existe uma parte da população que se sente receosa em fazer negócios pela internet — seja por já terem caído em algum tipo de golpe, seja por falta de confiança.

Tokens são exclusivos de cada cartão e restritos a cada loja online, ou seja, é muito simples isolar ameaças e mitigar tentativas de fraude.

Vale lembrar, ainda, que não apenas os novos registros de cartões são tokenizados, mas todos os que já estiverem salvos em sua plataforma também podem gerar um token no momento de uma nova transação.

Redução de custos

Fraudes são responsáveis por grandes perdas todos os anos no e-commerce, não apenas por conta de compras indevidas, devoluções e ressarcimentos, mas também por processos pelo vazamento de dados.

De forma indireta, maximizar a segurança reduz despesas gerais.

Conforme se torna efetiva a LGPD, multas pesadas podem ser aplicadas às organizações, que devem buscar estar preparadas para evitar vazamentos e fraudes a todo custo, uma vez que isso pode impactar diretamente suas receitas.

Quais os desafios enfrentados?

Os gateways de token trazem uma enorme simplicidade e grande flexibilidade para os ambientes complexos da rede de pagamentos online, porém, nem tudo é tão fácil, afinal, boa parte dos e-commerces já tem plataformas integradas.

Com isso, pode ser um tanto quanto difícil realizar a migração, uma vez que sua loja online já conta com uma solução de pagamentos atualmente.

No entanto, é preciso se lembrar dos benefícios que o uso de tokens no e-commerce pode trazer para o seu negócio, principalmente no que diz respeito à segurança dos dados de seus clientes, ainda mais com a entrada em vigor da LGPD.

Chegamos ao final deste post e esperamos que você possa ter compreendido o valor do token no e-commerce e como implementar essa solução pode ser uma virada em seus negócios.

Este artigo foi útil?

Então, assine agora mesmo a nossa newsletter e mantenha-se por dentro de assuntos ligados ao e-commerce no Brasil e no mundo!

100.000 pessoas não podem estar enganadas Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo